Luana Piovani é detonada na web após se posicionar contra mulheres trans em competições femininas

A atriz revelou sua posição contrária à inclusão de mulheres trans em competições femininas e recebeu uma enxurrada de críticas.

Nesta data de segunda-feira (17), Luana Piovani expressou sua posição contrária à presença de mulheres trans em torneios destinados ao público feminino. A atriz utilizou uma notícia sobre a nadadora transgênero americana Lia Thomas, que não estará nos Jogos Olímpicos, para manifestar sua opinião publicamente.

A notícia compartilhada por Luana destaca: “Nadadora transgênero perde ação e é impedida de participar das olimpíadas”. A atriz complementou com a seguinte declaração: “Sou contra a participação de mulheres trans em competições femininas”.

A declaração de Piovani provocou debates intensos na internet e desencadeou uma série de críticas direcionadas à artista.

Uma internauta refletiu: “Luana Piovani afirmando que não apoia a participação de mulheres trans na mesma categoria de mulheres cis. Nem todos aceitam essa posição.” Outra pessoa repreendeu: “Luana Piovani lança comentários irresponsáveis em várias direções. Hoje resolveu abordar a presença de pessoas trans no mundo esportivo. Moça, cale-se.” Já um terceiro alertou: “Hoje é o dia em que Luana Piovani será cancelada.”

Alguns internautas também ironizaram o fato de ninguém poder se opor a esses assuntos. “Luana Piovani era rainha neste exato momento, ela vai virar vilã”, disse uma. “Agora veremos o que a turma realmente pensa dela. vai ser de atriz fracassada pra pior”, escreveu outro.

Sempre envolvida em controvérsias ou temas sensíveis, Luana surpreendeu parte da audiência, que a rotulou majoritariamente como ‘problemática’. Um último comentário sentenciou: “Luana Piovani, com posturas transfóbicas, sua carreira está fadada ao fracasso”.

A discussão em torno da inclusão de mulheres trans em competições esportivas destinadas a mulheres cis tem sido um tema recorrente nos últimos tempos. Certas vozes argumentam a favor da participação dessas atletas, enfatizando princípios de inclusão e igualdade, enquanto outros levantam questões relacionadas à justiça competitiva e às diferenças fisiológicas.

LEIA MAIS:  Incentivos a semicondutores serão analisados pelo Senado