Mulheres são presas por aplicarem golpe do falso emprego

Duas mulheres foram presas pela Polícia Civil do Pará nesta sexta-feira (24), suspeitas aplicarem o golpe do falso emprego. A investigação estima que elas causaram um prejuízos de R$ 200 mil às vítimas. A operação “FakeBoss”, Falso Chefe foi deflagrada para desarticular a ação da dupla.

Pelo menos 60 pessoas foram vítimas da dupla que oferecia vagas por um preço de R$ 1,3 mil afirmando que garantiam uma contratação rápida. As suspeitas desapareciam após receberem o dinheiro e às vítimas denunciaram o crime.

As investigações irão prosseguir para identificar a participação de mais pessoas na organização criminosa.

A dupla vai responder por estelionato e deve ficar à disposição da Justiça.