Agendamento para CIN que é gratuito era vendido a R$ 25 e R$ 30 em Manaus

Oito pessoas foram encaminhadas à delegacia para prestar esclarecimento

Oito pessoas foram conduzidas à delegacia para prestar esclarecimento sobre o agendamento da nova Carteira de Identidade Nacional (CIN), em Manaus. O agendamento, que é gratuito, era vendido a R$ 25 e R$ 30 reais. A investigação teve início após denúncias de irregularidades no processo.

Segundo o delegado Paulo Benelli, titular da Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Cibernéticos (Dercc), a investigação teve início após denúncias de irregularidades no processo de agendamento da CIN pelo Instituto de Identificação Aderson Conceição de Melo (IIACM).

Durante as buscas, foram apreendidos oito aparelhos celulares e dois computadores, que serão submetidos à análise pericial. O material apreendido é para saber se o grupo usava robô nos agendamentos. Além disso, oito pessoas foram conduzidas à delegacia para prestar depoimento sobre as atividades licitas. Elas assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

“Essas ações visam esclarecer práticas criminosas como a venda irregular de vagas para emissão de documentos de identidade, prejudicando a população que necessita desse serviço essencial”, disse oBenelli.

O delegado enfatizou a importância da operação para assegurar a lisura no processo de emissão de documentos e combater práticas que violam os direitos dos cidadãos. Esse tipo de crime está tipificado no Art. 2º da Lei nº 1.521/1951 como crime contra a economia popular, com pena de reclusão de 1 a 5 anos, além de multa.

De acordo com o delegado Bruno Fraga, titular da Delegacia Geral (DG), o serviço é gratuito e não deve ser cobrado.

“O serviço de emissão de RG é gratuito, não é cobrado e se você verificar em Facebook, Instagram, qualquer rede social ou WhatsApp a cobrança de RG, não contrate”, disse o delegado.

LEIA MAIS:  Criminosos invadem kitnet e matam homem a tiros no São José, em Manaus

Conforme explicou Anezio Paiva, da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), o site tem link para agendamento de forma gratuita.

“O nosso site da Secretaria de Segurança tem o link para agendamento em todos os paques e horários. Não procurem colocar o seu agendamento na mão de pessoas inescrupulosas que querem ganhar alguma coisa em proveito da população carente”, disse Anezio.